Bicicletas elétricas: Sistema Add-e.

Dispositivo Add-e surge como uma solução imediata para a redução de custos em transporte no cotidiano, transformando bicicletas convencionais em bicicletas elétricas.

Apesar das bicicletas elétricas possuírem inúmeras vantagens, principalmente quando se trata em sustentabilidade, elas possuem uma grande desvantagem. Para uma grande parte da população mundial, as bicicletas elétricas ainda são economicamente inviáveis. Com esse fato em mente, a empresa austríaca Add-e Bike e-Motion, localizada em Villach, criou o dispositivo Add-e, o qual pode ser acoplado na maioria das bicicletas convencionais, de maneira que as tornem elétricas.

Com os objetivos de se reduzir imediatamente os custos no cotidiano e diminuir a emissão de gases de efeito estufa, o sistema é composto basicamente por um pequeno motor e uma bateria armazenadora de energia elétrica. O motor é instalado no suporte inferior da bicicleta, realizando a maior parte do trabalho, impulsionando a roda traseira enquanto o usuário pedala. Ele é alimentado por uma bateria de lítio, a qual é incorporada em uma garrafa para ser acoplada no suporte na bicicleta. Além disso, a bateria completa é carregada em menos de uma hora, possuindo uma vida máxima de 50 km.

ktm

Com o dispositivo Add-e, a bicicleta pode atingir uma velocidade máxima de 45 km/h. Sua aceleração não é controlada instantaneamente, de tal forma a ser escolhido o nível de potência de saída do motor em botões localizados na bateria, oferecendo à bicicleta uma potência de 250 W até 600W. Ademais, o sistema Add-e é considerado leve, possuindo uma massa menor que 2,5 kg, possuindo um preço de mercado de aproximadamente mil dólares. Ótima oportunidade para a sua redução de custos!

Recommended Posts